sábado, 31 de janeiro de 2009

TEMPO DE DEUS

Há tempo e propósito para tudo debaixo do céu .
As coisas acontecem quando o tempo do homem encontra-se com o tempo de Deus.
O tempo não passa em vão, cada segundo, cada minuto há manifestação do poder de Deus e os acontecimentos nada mais são que a manifestação de Sua vontade em nossas vidas.
Saiba que cada lágrima, cada sorriso, cada perda, cada conquista, cada luta, cada vitória e cada morte são permissão de Deus.
Nada acontece em nossas vidas por acaso, tudo tem um propósito.
Não cai uma folha de uma árvore se o Senhor Jesus assim não permitir.
Ele é dono de tudo passado, presente, futuro e quando Deus determina algo pra sua vida,quando Ele te faz promessas, pode tudo parecer ir ao contrário, mas se Ele falou, ele fará.


“TUDO tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu”.
(Eclesiastes 3:1)
SALVE MARIA

Posted by Cleiriane @ 14:45
0 Comments

Missa e bênção da garganta na comunidade São Brás

A comunidade São Brás, pertencente a paróquia Nossa Senhora da Penha, na Vila Virgínia, celebra o dia do padroeiro, 3 de fevereiro, com a missa e bênção da garganta, às 9h.

Ainda no dia 3, às 19 horas acontece a missa e a procissão.

A comunidade São Brás fica localizada na Avenida Patriarca, 3753, na Vila Virgínia.

Informações na secretaria paroquial pelo telefone (16) 3637-0186 (período da tarde).

Posted by Cleiriane @ 01:09
0 Comments

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Oração ao Divino Espírito Santo

Autor: Santo Agostinho

Divino amor, ó vínculo sagrado que unis o Pai e o Filho, Espírito onipotente, fiel consolador dos aflitos

Divino amor, ó vínculo sagrado que unis o Pai e o Filho, Espírito onipotente, fiel consolador dos aflitos, penetrai nos abismos profundos de meu coração e fazei aí brilhar vossa resplandecente luz.

Derramai vosso doce orvalho sobre esta terra deserta, a fim de fazer cessar sua longa aridez.

Enviai os dardos celestes de vosso amor até o santuário de minha alma, de modo que nela penetrando acendam chamas ardentes que consumam todas as minhas fraquezas, minhas negligências e meus langores.

Vinde, vinde doce Consolador das almas desoladas, refúgio no perigo e protetor na aflição desamparada.
Vinde, Vós que lavais as almas de suas sordícies e que curais suas chagas.
Vinde, força dos fracos, apoio daqueles que caem.
Vinde, doutor dos humildes e vencedor dos orgulhosos.
Vinde, pai dos órfãos, esperança dos pobres, tesouro dos que estão na indigência.
Vinde, estrela dos navegantes, porto seguro dos náufragos.
Vinde, força dos vivos e salvação dos moribundos.
Vinde, ó Espírito Santo, vinde e tende piedade de mim. Tornai minha alma simples, dócil e fiel, e condescendei com minha fraqueza. Condescendei com tanta bondade, que minha pequenez ache graça diante de vossa grandeza infinita, minha impotência diante de vossa força, minhas ofensas diante da multidão de vossas misericórdias. Amém.

Posted by Cleiriane @ 09:31
0 Comments

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

História da Igreja

O túmulo de São Paulo

A localização do túmulo do Apóstolo, na Basílica de São Paulo Extra Muros, nunca foi contestada em 20 séculos de história da Igreja. Os recentes trabalhos de arqueologia confirmaram uma sólida tradição romana

Autor: Victor Hugo Toniolo

Desde os tempos mais antigos até o século XIX, dadas as necessidades defensivas da época, as cidades européias costumavam ser circundadas por muralhas dentro das quais se encerravam os palácios, templos, edifícios públicos e habitações privadas, garantindo proteção e segurança tanto aos cidadãos quanto aos seus bens materiais.
Fora do perímetro urbano se desdobravam os campos que, dependendo da situação, eram cultivados ou simplesmente abandonados.

Ao primeiro sinal de perigo os poucos aldeões ali residentes corriam para refugiar-se na cidade amuralhada.
Também Roma recebeu de seus fundadores - os irmãos Rômulo e Remo, segundo a lenda - uma muralha para sua
spaulo_02.jpg
A atual Basílica de São Paulo Extra Muros evo-
ca o esplendor da edificação original, iniciada
por Constantino
defesa. Com o passar dos anos e o crescimento da urbe, foram construídas outras. No tempo do Imperador Aureliano (270-275) tais muros, com 6 metros de altura e 3,5 de espessura, se estendiam por 20 quilômetros.

A basílica construída por Constantino

No séc. IV, porém, Constantino decidiu edificar uma basílica sobre um cemitério localizado junto à Via Ostiense, a estrada que levava ao porto de Óstia. O que pretendia o imperador, mandando construir essa igreja fora do recinto das muralhas - extra muros, em latim -, à mercê dos inimigos, em meio aos prados onde se apascentavam os rebanhos? Honrar o túmulo de São Paulo, o Apóstolo dos Gentios, que se encontrava naquele exato lugar.

Vinte séculos de presença Incontestada

A Basílica de São Paulo Extra Muros enfrentou diversos cataclismos. Contudo, as forças da natureza nunca foram suficientes para fazer o edifício decair ou ser abandonado, nem diminuir o afluxo de peregrinos.
spaulo_03.jpg
Detalhe do altar sob o qual se encontra o tú-
mulo de São Paulo

Diversamente de outros lugares santos de Roma, a presença dos despojos do Apóstolo na Basílica nunca foi contestada. Jamais houve necessidade de fazer uma verificação para apaziguar os ânimos ou contraditar os "espíritos fortes".

O mais recente estudo Arqueológico

Há alguns meses, aproveitando trabalhos de reestruturação em curso nesse templo, o Cardeal Arcipreste, Andrea Cordero de Montezemolo, sugeriu aos arqueólogos doca do túmulo de São Paulo, que se encontra sob o altar da confissão.

Como é comum acontecer em igrejas tão antigas, o acesso ao túmulo estava vedado, tendo sido necessário remover alguns elementos dos subterrâneos da Basílica. Fez-se para isso uma abertura de 70 cm, que franqueou o contato com a sepultura; após cerca de 16 séculos, era a primeira vez que ela via novamente a luz.

spaulo_01.jpg
Uma imponente imagem de São Paulo domi-
na o átrio, frente à Basílica
Sobre o sarcófago, os arqueólogos puderam reconhecer claramente a inscrição: "Paulo Apostolo Mart" (Paulo, Apóstolo e Mártir).

Em declarações à imprensa, o Cardeal Montezemolo ressalta que não pode haver qualquer dúvida acerca da veracidade das conclusões desses trabalhos arqueológicos: "O túmulo de São Paulo nunca foi tocado. A inscrição dá segurança de que aquela é a sepultura. Existe uma absoluta concordância, desde há vinte séculos, no fato de que a sepultura de São Paulo está ali. Podia-se ver ou não, em tempos precedentes, pois foi coberta por diversas coisas, mas o fato de que a sepultura está ali e é aquela, eu diria que ninguém, hoje, coloca em dúvida.

O que faremos no futuro? Estamos estudando a eventual possibilidade de proceder também a uma exploração interna.

Consultaremos o Papa para que autorize, e veremos o que fazer." De sua sepultura, o Apóstolo das Gentes continua a exercer uma irresistível atração e a proclamar, com a simples presença de seus sagrados despojos, a veracidade da Igreja.

E ali seus restos mortais têm o merecido descanso, enquanto sua alma goza da glória celeste, como ele mesmo afirmou: "Combati o bom combate, terminei a minha carreira, guardei a fé. Resta- me agora receber a coroa da justiça, que o Senhor, justo Juiz, me dará naquele dia" (2 Tim 4, 7-8).

Posted by Cleiriane @ 09:57
0 Comments

Doutrina Católica

Os dois mandamentos de caridade
1. Amarás o Senhor teu Deus, com todo o teu coração, com toda a tua alma e com toda a tua mente.
2. Amarás ao próximo como a ti mesmo

A regra de ouro (Mt 7, 12)
Tudo quanto quiserdes que os homens vos façam, fazei-lho vós também.

As três virtudes teologais
1. Fé
2. Esperança
3. Caridade

As quatro virtudes cardeais
1. Prudência
2. Justiça
3. Fortaleza
4. Temperança

Os quatro novíssimos
1. Morte
2. Juízo
3. Inferno
4. Paraíso

Posted by Cleiriane @ 09:53
0 Comments

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

* Santo do Dia *


São Tomás de Aquino - Sacerdote e doutor da Igreja


"Que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro e arruinar a sua vida? Pois o que daria o homem em troca de sua vida?" Mc 8,36-37



Hoje a Igreja celebra um dos maiores santos da História: São Tomás de Aquino. É o autor da Suma Teológica.

Pertenceu à Ordem dos padres dominicanos.

Costuma ser indicado como o maior teólogo da Idade Média, como também, mestre dos teólogos até aos dias de hoje. Declarado "Doutor da Igreja", em 1567; e Padroeiro das Universidades, Academias e Colégios católicos, em 1880.

Foi de facto um génio, que poderia ter-se perdido, não fora ter-se libertado das atracções mundanas de sua classe, pois era rico, nobre e cerceado em seu desenvolvimento pela própria família. Foi em Paris - o maior centro de estudos teológicos do seu tempo - que ele pôde compor a sua gigantesca obra a Suma Teológica, verdadeira síntese do passado e intuição do futuro. Até hoje, essa obra não encontrou similar, nem em matéria de Filosofia nem em matéria de Teologia.

Por vezes, esquecemos, atrás do sábio, a grandeza do santo. E São Tomás soube desapegar-se das grandezas do mundo, para revelar o amor mais profundo à oração e à contemplação. Tornou-se, assim, o modelo de todos os que buscam a Deus, vivendo segundo o plano divino.

Posted by Cleiriane @ 11:06
0 Comments

ACAMPAMENTO - Carnaval: Santuário promove I Acampamento de Jovens


O Santuário Arquidiocesano Nossa Senhora do Rosário, em Ribeirão Preto, promove o 1º Acampamento de Jovens no período carnavalesco, nos dias 21, 22, 23 e 24 de fevereiro. Inscrições na Secretaria Paroquial com adesão de R$ 30,00 (trinta reais) para alimentação e camiseta.

Informações pelo telefone (16) 3625-1336

Posted by Cleiriane @ 10:52
0 Comments

QUARESMA - Papa lembra a fome na mensagem quaresmal


Papa lembra a fome na mensagem quaresmal

A mensagem do Papa para a Quaresma, deste ano, será divulgada a 3 de Fevereiro

«Jesus, por quarenta dias e quarenta noites esteve jejuando. Depois teve fome» (Mt 4, 2) é o tema que vai ajudar os cristãos neste tempo de penitência e oração. Bento XVI dedica o documento ao tema da fome, depois de, na mensagem para o Dia mundial da paz se ter referido à temática relacionada com a pobreza.

A apresentação da mensagem será feita numa conferência de imprensa, a 3 de Fevereiro. Presentes estarão o cardeal Paul Josef Cordes, Presidente do Conselho Pontifício "Cor Unum" e Josette Sheeran, diretora-executiva do Programa Alimentar Mundial (PAM) das Nações Unidas.

Fonte: Fátima Missionária - www.fatimamissionaria.pt

Posted by Cleiriane @ 10:47
0 Comments

domingo, 25 de janeiro de 2009

Representante do Papa celebra Missa na Catedral da Sé


Na festa de São Paulo Apóstolo, padroeiro da cidade de São Paulo, o Núncio Apostólico no Brasil, Dom Lorenzo Baldisseri presidiu nesta manhã, 25, uma Missa em ação de graças pelos 455 anos da cidade. Concelebraram Dom Odilo Pedro Scherer, Cardeal Arcebispo metropolitano de São Paulo, Bispos Auxiliares da Arquidiocese e demais Bispos e Sacerdotes.

No início da celebração, Dom Odilo saudou as autoridades civis e religiosas, e todo povo de Deus presente. O Cardeal manifestou sua gratidão de maneira especial ao representante do Papa, Dom Lorenzo Baldisseri, que segundo Dom Odilo representa a comunhão com o Papa e com toda Igreja.

A liturgia de hoje, que celebra a conversão de São Paulo, tem um significado especial para a Igreja local, já que este é o primeiro ano em que o apóstolo é oficialmente patrono da Arquidiocese, além da celebração do Ano Paulino. Os paroquianos se prepararam para esta festa com um tríduo. Nos dias 22, 23 e 24, foram realizadas palestras e missas, cada dia sob reponsabilidade de uma pastoral.

No início da homilia, depois de saudar as autoriddes civis, religiosas, e todos os presentes, o Núncio transmitiu as saudações e congratulações do Papa Bento XVI, e sua benção apostólica. Dom Lorenzo recordou que em junho do ano passado participou das comemorações do centenário da arquidiocese e que naquela ocasião foi introduzida a estátua do apóstolo na Catedral da Sé.


O Núncio fez uma reflexão sobre a missionariedade do apóstolo Paulo. Ao falar sobre o mandato: "Ide pelo mundo inteiro e anunciai o Evangelho a toda criatura", destacou que esse mandato missionário, ressoa hoje na Catedral da Sé, a todo povo de Deus. Ao recordar as palavras de Bento XVI sobre o apóstolo, "ele brilha como estrela de primeria grandeza na história da Igreja e não só na primitivia", Dom Lorenzo destacou São Paulo como modelo de evangelizador para os missionários de todo tempo.

Ao concluir a homilia, Dom Lorenzo fez votos que essa celebração conduza a todos a viverem uma profunda conversão de mentalidade e atitude, impelindo a uma resposta aos novos desafios do mundo atual e a ser missionários de Jesus.

Ao final da celebração o prefeito da cidade, Gilberto Kassab, agradeceu as autoridades presentes e a todos os paulistanos. O prefeito afirmou que esta data é oportuna para refletir a história da cidade e destacou ainda os desafios que precisam ser superados, especialmente no campo social.

Dom Odilo, entregou ao prefeito Gilberto Kassab, à vice-prefeita Alda Marco Antônio, e ao representante do governador José Serra, um exemplar da Bíblia editado especialmente por ocasião do centenário da arquidiocese.

Na ocasião, também houve a entrega oficial do décimo plano de pastoral da arquidiocese aos bispos auxiliares e aos cordenadores regionais de pastoral, e o lançamento de um carimbo comemorativo e de um selo personalizado alusivo ao Ano Paulino.

Posted by Cleiriane @ 14:20
0 Comments

Nossa conversão consiste em acreditar em Jesus, explica Bento XVI

Angelus

Acreditar em Jesus morto e ressuscitado é abrir-se a iluminação da sua Graça Divina, nisto consiste a nossa conversão, salientou o Papa Bento XVI no Ângelus deste domingo, 25, dia da festa da Conversão de São Paulo.

O Santo Padre recordou que, antes de encontrar o Senhor no caminho de Damasco, São Paulo já era crente, mais ainda, um hebreu fervoroso, e portanto não passou da não-fé à fé (dos ídolos a Deus), nem teve de abandonar a fé judaica para aderir a Cristo.

"No caminho de Damasco, aconteceu aquilo que Jesus pede no Evangelho deste Domingo lá onde diz: completou-se o tempo e o Reino de Deus está perto: arrependei-vos e acreditai na Boa Nova", explicou.

Para Bento XVI, de fato, Saulo converteu-se porque, graças à luz divina, acreditou no Evangelho. "Nisto consiste a sua e a nossa conversão: acreditar em Jesus morto e ressuscitado e abrir-se a iluminação da sua Graça Divina. Naquele momento Saulo compreendeu que a sua salvação não dependia das boas obras feitas segundo a lei, mas do fato que Jesus morrera por ele, o perseguidor (dos primeiros cristãos) e ressuscitara", sublinhou.

O Evangelho leva a conversão

A verdade do Evangelho, que graças ao Batismo ilumina a existência de cada cristão, para o Papa inverte completamente a nossa maneira de viver. "Converter-se significa também, para cada um de nós, acreditar que Jesus deu a sua vida por mim morrendo na cruz e, ressuscitado vive comigo e em mim".

"Entregando-me a potência do seu perdão", disse Bento XVI com voz comovida, passando a falar em primeira pessoa, "deixando-me agarrar pela mão por Ele, posso sair das areias movediças do orgulho e do pecado, da mentira e da tristeza, do egoísmo e de todas as falsas seguranças, para conhecer e viver a riqueza do seu amor".

O objetivo da plena unidade dos cristãos ainda não foi atingido mas ele no fim será certamente atingido. Foi o que afirmou o Santo Padre referindo-se à conclusão, neste domingo, 25, da semana de oração pela unidade dos cristãos, (que se celebra nesta época na Europa), particularmente importante também no plano ecumênico. Bento XVI recordou o encontro de oração ecumênica que decorrerá esta tarde em Roma na Basílica de São Paulo fora de muros.

Enfermos de Lepra

Depois da recitação do Angelus o Papa externou o seu aplauso as Nações Unidas que com uma recente Declaração do Alto Comissariado para os direitos humanos, solicitaram os Estados à tutela dos doentes de lepra e dos seus familiares.

No dia mundial dedicado a estes doentes (efeméride que ocorre neste último domingo de Janeiro), Bento XVI afirmou que a Igreja, seguindo o exemplo de Jesus, tem sempre uma atenção particular pelas pessoas atingidas por esta doença. Como testemunha também a mensagem difundida nos dias passados pelo Conselho Pontifício para a pastoral da saúde.

O Santo Padre assegurou a sua oração por estes doentes e renovou o encorajamento a todos aqueles que lutam com eles pela cura plena e uma boa inserção social.

O Papa deixou também os bons votos aos povos do extremo oriente que hoje celebram o ano novo lunar. "Os povos de vários países da Ásia Oriental preparam-se para celebrar o ano novo lunar. Desejo-lhes que vivam esta festa na alegria. A alegria é expressão do estar em harmonia consigo mesmo: e isto pode derivar apenas do estar em harmonia com Deus e com a sua criação. Que a alegria esteja sempre viva no coração de todos os cidadãos daquelas Nações, que me são tão queridas, e se irradie no mundo", destacou.

Posted by Cleiriane @ 13:43
0 Comments

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Canal do Vaticano no YouTube é oficialmente aberto


Cidade do Vaticano (Sexta, 23-01-2009, Gaudium Press) Foi apresentado na manhã de hoje na Sala de Imprensa da Santa Sé, de forma oficial, o acordo assinado em 17 de janeiro pelo Google e pelo Vaticano que institui um canal próprio da Igreja no YouTube, mais famoso e acessado site de compartilhamento de vídeos do mundo.

O canal, http://it.youtube.com/vaticanit, irá oferecer uma cobertura informativa das principais atividades de Bento XVI e dos acontecimentos vaticanos mais relevantes. As imagens serão produzidas pelo Centro Televisivo Vaticano (CTV) e os textos, redigidos pela Radio Vaticana e pelo próprio CTV. O site disponibiliza áudio e texto dos videoclipes em inglês, espanhol, alemão e italiano. Mediante o acordo com o Google, o Vaticano publicará na Internet semanalmente breves discursos do pontífice.

O diretor-geral da Radio Vaticana e da Sala de Imprensa da Santa Sé, padre Federico Lombardi, um membro da diretoria da Google, Henrique de Castro, e o arcebispo Claudio Maria Celli, presidente do Pontifício Conselho para as Comunicações Sociais, ilustraram a iniciativa aos jornalistas presentes.

Ao apresentar a iniciativa, padre Federico Lombardi explicou: "Estamos convencidos que em toda parte há pessoas atentas e sensíveis, interessadas nas mensagens, nas propostas, nas posições sobre os grandes problemas do mundo de hoje de uma autoridade moral de alto nível como o Papa e, em geral, da Igreja Católica. Por isso a escolha do YouTube como plataforma adaptada para se tornar presente na web, de forma a poder oferecer uma fonte de referência confiável e contínua que esteja além dos muitos fragmentos de informação presentes na Internet, às vezes de modo casual ou disperso, sobre o Papa e o Vaticano.

Para dom Celli, o conceito ideal é o de um "site interativo, através do qual a Igreja possa entrar cotidianamente em contato com o mundo em espírito de solidariedade e amizade".

O arcebispo define a iniciativa como um convite a utilizar sempre mais as redes sociais, e em especial Facebook, para entrar em contato com as pessoas, e principalmente os jovens. "Trata-se um instrumento insubstituível para se comunicar com o enorme número de jovens de 25 a 35 anos que dificilmente vão à igreja aos domingos, mas que passam horas diante do computador".

Bento XVI deve falar no vídeo a ser postado no YouTube sobre "Novas tecnologias, novas relações. Promover uma cultura de respeito, de diálogo, de amizade", tema da mensagem do 43º Dia Mundial das Comunicações Sociais, que será comentada pelo papa no vídeo.

Em discurso escrito também para a Jornada, o Papa afirma que a Internet é um "dom para a humanidade". Diz ainda que as tecnologias devem ser acessíveis a todos mas que se deve tomar cuidado com conteúdos pornográficos e que afrontam à dignidade humana."

"Seria um grave dano se não forem acessíveis a todos, especialmente aos mais pobres e marginalizados, e é gratificante ver emergir de novas redes digitais que buscam promover a solidariedade humana, a paz e a justiça, os direitos humanos e o respeito pela vida e o bem da criação Essas redes podem facilitar formas de cooperação entre povos de diferentes contextos geográficos e culturais", diz o texto.

Ainda no comunicado, Bento XVI chama a atenção também para o risco de se banalizar o conceito de amizade nas redes sociais, como Facebook, MySpace e Orkut. Outro risco da Internet apontado pelo pontífice é a circulação de conteúdos que promovem "ódio e intolerância", que abusam dos "frágeis e indefesos" ou de natureza pornográfica.

Posted by Cleiriane @ 12:49
0 Comments

quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Notícias

Brasil celebra hoje o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa

São Paulo (Quinta, 22-01-2009, Gaudium Press) O Brasil celebra hoje, apenas pela segunda vez em sua história, o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa. A data faz parte do Calendário Cívico da União para efeitos de comemoração oficial e foi instuída pelo presidente Lula em decreto assinado em dezembro de 2007, que escolheu o dia 21 para homenagear Dona Gilda, mãe-de-santo soteropolitana que faleceu em 2000.

A trajetória de Dona Gilda está intimamente ligada à questão da intolerância religiosa. Em vida, a mãe-de-santo era frequentemente acusada de charlatanismo, conforme afirmou a filha da religiosa, Jaciara Ribeiro. O caso de Dona Gilda, assim como o de diversas outras pessoas que sofreram discriminação religiosa - especialmente as que professavam cultos ou religiões de origem africana - estão em trâmite no Tribunal de Justiça da Bahia.

No ano passado, a data reuniu membros de diversas manifestações religiosas em um desfile em Salvador, de padres católicos a umbandistas e pastores batistas. Neste ano não deve ser diferente.

"Eu creio, os outros têm direito a crer"

Segundo o padre Maciel Maçaneiro, um dos responsáveis da CNBB para o diálogo interreligioso a data é importante para "recordar que cada cidadão tem direito de professar a sua crença, a sua religião, no espaço do Brasil e, ao mesmo tempo, esse direito é recíproco: é meu, seu, de todos."

Apesar de reconhecer ter havido notáveis avanços na aceitação de minorias religiosas, padre Maçaneiro acredita que a discriminação ainda não foi totalmente erradicada no Brasil por ser uma questão também educacional, estritamente ligada ao pouco conhecimento em relação a certas manifestações religiosas.

"Os católicos e cristãos no Brasil se acostumaram com o clima de liberdade, mas nos esquecemos que algumas minorias não têm a mesma aceitação. Esta data toca a religião, mas também é pertinente à educação, de forma que as pessoas devem ser educadas para reconhecer esse valor.", pondera, antes de concluir. "Este não é um valor perene ainda, é um valor que temos que conquistar a cada geração, educando."

Posted by Cleiriane @ 10:52
0 Comments

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

* Santo do Dia *


Santa Inês - virgem e mártir (memória)



"Quem não carrega a sua cruz e não vem após mim, não pode ser meu discípulo" Lc 14,27 A Igreja venera hoje uma santa muito conhecida e amada: Santa Inês. Ela é, sem dúvida, a mais famosa de todas as virgens e mártires dos primeiros tempos do cristianismo. Viveu por volta de 304-306. Sua lembrança e seu culto nunca foram interrompidos. Na idade de treze anos, recebeu uma proposta de casamento por parte do filho do prefeito de Roma, apaixonado pela sua beleza. Inês pertencia à nobreza romana. Mas era, acima de tudo, cristã. E queria dar a Cristo todos os seus dons, juntamente com a vida. Conta a história que, por vingança, ela foi condenada à fogueira. E o povo acrescenta que o fogo não tocou nem mesmo os seus longos e belos cabelos. Decidiram então os algozes decepar-lhe a cabeça. Só então ela morreu. Ou melhor, não morreu, mas passou definitivamente para a verdadeira Vida, com Cristo, no Reino do Pai. O Papa São Dâmaso escreveu sobre Santa Inês, exaltando-lhe as virtudes e propondo-a como modelo para as jovens cristãs de todos tempos. O Evangelho, bem o sabemos, leva os jovens a fazerem a sua grande opção. Tudo receberam de Deus! Tudo a Deus podem dar!


Posted by Cleiriane @ 11:39
0 Comments

O cálice da Primeira Missa

Foi esse valiosíssimo vaso sagrado que Sua Santidade Bento XVI usou na Celebração Eucarística em Valência, no Encontro Mundial das Famílias.

José Antonio Dominguez

Se você, leitor, tivesse podido participar da Última Ceia, já imaginou com que cuidado procuraria guardar na memória tudo quanto ali ocorreu? Cada gesto de Nosso Senhor, cada palavra d'Ele seria como um valioso tesouro de recordações para o resto de sua vida.

Mas a realidade foi outra. Apenas os Apóstolos estavam à mesa com Jesus, quando Ele celebrou a Primeira Missa.
CALICE_03.jpgSomente eles? Para Deus não há tempo, tudo é presente. E por isso, Nosso Senhor Jesus Cristo, ao celebrar a Última Ceia, não tinha diante de Si apenas os Doze Apóstolos. Como Deus, Ele considerava também todos os membros da Igreja que ao longo dos séculos participariam do banquete eucarístico e se alimentariam de seu Corpo e Sangue. Na Santa Ceia, Ele nos tinha em vista, a todos nós, a você, leitor, e rezava ao Pai Celestial pela salvação de cada um. E, nesse sentido, nós também estivemos lá.

Por esse motivo, quando participamos da Celebração Eucarística e ouvimos o sacerdote pronunciar as palavras da Consagração, podemos fazer- nos presentes na Última Ceia, à mesa com Jesus, ouvindo seus divinos ensinamentos, recebendo de suas adoráveis mãos o Pão Eucarístico, bebendo seu Preciosíssimo Sangue ou encostando a cabeça no peito do Senhor e ouvindo o pulsar de seu Divino Coração.

Isso torna-se mais facilmente sensível quando estamos diante de uma das mais preciosas relíquias de Nosso Senhor Jesus Cristo: o Cálice que Ele usou na Última Ceia para consagrar o vinho. Foi esse valiosíssimo vaso sagrado que Sua Santidade Bento XVI usou na Celebração Eucarística em Valência, Espanha, no Encontro Mundial das Famílias. Poucos Papas tiveram o privilégio de celebrar com ele a Santa Missa. Levado para Roma por São Pedro, foi utilizado pelos Papas dos primeiros tempos, na Celebração Eucarística.CALICE_02.jpg

Segundo os historiadores, no Cânon Romano mais antigo encontrasse uma referência à existência desse Santo Cálice, pois no rito da consagração do vinho se dizia: "do mesmo modo, terminada a ceia, tomou este cálice glorioso em suas santas e veneráveis mãos...". Muitos opinam que "este cálice glorioso" é uma menção a um cálice concreto, ou seja, àquele que o Senhor usou na Última Ceia. Durante a perseguição do imperador Valeriano, São Lourenço o enviou para a Espanha, em meados do século III, a fim de evitar que ele caísse em poder dos pagãos. Hoje em dia, esta relíquia é venerada na Catedral de Valência.

Quando participamos da Celebração Eucarística, embora o celebrante não tenha em suas mãos uma relíquia tão preciosa, como a teve o Papa Bento XVI, e nossos olhos apenas vejam o altar e o sacerdote, a Fé nos ensina ser Jesus que, pelos lábios do ministro sagrado, pronuncia as palavras da Consagração, como na Última Ceia. No Sacrifício Eucarístico o passado se faz presente, e também nós estamos diante de Jesus no Cenáculo, como na Primeira Missa.

Posted by Cleiriane @ 00:48
0 Comments

MISSÃO - Missa de envio do padre Maciel na paróquia São Miguel Arcanjo

O padre Aparecido Donizeti Maciel, pároco da paróquia São Miguel Arcanjo, no Jardim Manoel Penna, em Ribeirão Preto, se despede da comunidade neste domingo, 25 de janeiro, em celebração Eucarística presidida pelo arcebispo Dom Joviano de Lima Júnior, sss.

Padre Maciel assumirá uma nova missão em seu ministério sacerdotal. Ele irá trabalhar na Arquidiocese de Osaka, no Japão, onde realizará trabalho pastoral junto à comunidade brasileira que vive no Japão.

Publicamos na íntegra a mensagem de padre Maciel a toda Igreja particular de Ribeirão Preto:

Missão na terra do Sol Nascente

Acabamos de celebrar, no ano passado, o centenário da imigração japonesa no Brasil. Foi um ano de muitas comemorações, no qual se evidenciou a importância e a dimensão desta relação inter-continental, diminuindo distâncias culturais, sociais, lingüísticas e gastronômicas.

Já faz uns bons anos que venho acompanhando pastoralmente, a comunidade nipo-brasileira presente na arquidiocese e também na região. Foi um longo período de algo mais que aprendizagem, pois foi realmente uma experiência de inculturação.

Como é próprio da mentalidade e modo de ser oriental, um trabalho bastante lento porém, repleto de consistência e de profundidade. Depois de alguns anos, começou a despertar em mim o desejo de agradecer e retribuir a este povo único e peculiar, um pouco das muitas riquezas trazidas para nossa terra. Ao mesmo tempo surgiu a solicitação da Igreja, presente no Japão, de um sacerdote para trabalhar na Arquidiocese de Osaka, um dos lugares de maior concentração de dekasseguis originários do Brasil. Providencialmente, estas duas necessidades foram criando raiz e um dia se encontraram.

Por duas vezes fui solicitado para o trabalho missionário no Japão e hoje vejo que foi necessário um encontro mais profundo, mais maduro. Agora, pela terceira vez, vimos (os Bispos D. Joviano e D. Ikenaga) que agora é o momento. Dom Arnaldo tem uma presença valiosa nestes longos anos de discernimento.

Agora no entanto, estou me despedindo da Paróquia São Miguel Arcanjo, comunidade esta que aprendi a amar de uma forma apaixonante e também da Paróquia Capelania Nipo-brasileira celeiro e jardim que acolhe as primeiras sementes deste inusitado encontro.

Agradeço a D. Joviano, que me tem apoiado e que, no momento presente acolheu tão prontamente esta experiência missionária.

No próximo dia 25, domingo é conversão de São Paulo, evangelizador dos povos, será missa de envio presidida por D. Joviano e ao mesmo tempo despedida da minha querida paróquia São Miguel Arcanjo. Conto com a presença e as orações de todos os que me incentivaram ao longo destes anos.

Com certeza, num próximo artigo poderei dizer em detalhes, um pouco mais sobre esta vida-relação-comunhão com a comunidade nipônica.

Com um abraço afetuoso

Pe. Maciel

Posted by Cleiriane @ 00:32
0 Comments

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

MENSAGEM - São Sebastião, nosso padroeiro - Pe. Gilberto Kasper


SÃO SEBASTIÃO, NOSSO PADROEIRO

São Sebastião, Mártir, celebrado dia 20 de Janeiro é o Padroeiro de nossa Arquidiocese de Ribeirão Preto. Santo invocado contra a fome, a peste e a guerra.

Ribeirão Preto é uma das cidades que possui o lixo mais luxuoso do Brasil. Lixo luxuoso é a comida manufaturada e desperdiçada: a que sobra no prato e a comida jogada no lixo. Quantos irmãos nossos não têm o que comer diariamente. Passa fome quem não consome 1.800 calorias por dia. É assustador o número de irmãos nossos nessa situação.

A peste também é evidente entre nós. O desrespeito ao corpo leva muitos à promiscuidade trazendo doenças incuráveis, como a AIDS, por exemplo. O descuido com a natureza e com nosso corpo, que deveria ser sacrário do Senhor.

Guerras não só acontecem longe de nós. Quanta violência familiar, quantos jovens sendo executados por dívidas de drogas, às vezes mortos por R$ 10,00.

Neste ano, celebrando São Sebastião, somos convocados a pedir que interceda por nós junto a Deus, a fim de que haja mais PAZ em nossa Arquidiocese. A ganância, o consumismo, o hedonismo e o individualismo sejam superados com a nossa maior participação nos problemas existentes. Damos as boas vindas ao novo Governo, mas depende de cada um para promovermos a paz na querida cidade de Ribeirão Preto e toda nossa Arquidiocese.

Celebrar a solenidade de São Sebastião é ainda mais especial, pois foi no dia 20 de janeiro de 1990 que pelas mãos do amado Arcebispo Emérito, Dom Arnaldo Ribeiro que fui ordenado Sacerdote na Catedral Metropolitana. Amo meu Sacerdócio e invoco as mais carinhosas bênçãos a São Sebastião sobre toda nossa Arquidiocese. São Sebastião ajude-nos a superar nossas dificuldades. Com meu abraço cheio de ternura.

Pe. Gilberto Kasper - Teólogo

Posted by Cleiriane @ 00:43
1 Comments

* Santo do Dia *


São Sebastião nasceu em Milão, conforme relatos deixados por Santo Ambrósio e Santo Agostinho. Era um valoroso capitão do exército romano, pertencente à primeira corte da guarda pretoriana. Sofreu o martirio no reinado do Imperador Diocleciano, que exercia forte perseguição aos cristãos mas, no entanto, era muito amigo de São Sebastião. O Santo aproveitava dessa influência para pregar aos soldados e a toda a população a fé em Cristo, com descrição para evitar que o imperador soubesse. O próprio governador de Roma, Cromácio, e seu filho, Tibúrcio, foram por ele convertidos e confessaram a fé mediante o martírio.

Denunciado como cristão, São Sebastião foi levado perante o imperador para justificar tal procedimento. Diante do imperador manteve-se firme e não renegou sua fé. Sentindo-se traído em sua amizade, Diocleciano ordenou que São Sebastião fosse condenado à morte. Amarrado a um tronco foi varado por flechas, na presença da guarda pretoriana. Apesar dos soldados o terem dado como morto, as flechadas não conseguiram matá-lo, e corajosamente se apresenta perante o imperador, censurando-o pelas injustiças cometidas contra os cristãos, acusando-os de inimigos do Estado.

Diocleciano permaneceu surdo aos seus apelos, e ordenou que São Sebastião fosse espancado até a morte e jogado em uma vala comum, uma mulher piedosa e cristã conseguiu retirar seu corpo dali e sepultá-lo nas catacumbas da Via Ápia, em Roma. Era por volta do ano 284.

Posted by Cleiriane @ 00:39
0 Comments

domingo, 18 de janeiro de 2009

EMF: Missa de clausura celebrada por o legado Papal, Card. Bertone



Cidade do México (especial do EMF 2009 México, Gaudium Press) O VI Encontro Mundial das Famílias se encerra com missa presidida pelo Card. Bertone, concelebrada por 20 Cardeais e centenas de bispos do mundo inteiro, para administrar a Sagrada Eucaristia aos fieis que lotavam o recinto foi necessária a ajuda de mais de 200 sacerdotes.

Devido à forte chuva da noite de 17 sábado a mensagem do papa foi reservada para o momento auge do encontro das Famílias que se deu com uma celebração eucarística no Santuário de Guadalupe

Precedendo a proclamação do evangelho que foi a leitura de São Lucas, sete meninos indígenas levaram círios até o altar, foi um momento emocionante e solene. Alem da mensagem apostólica o papa outorgou uma indulgencia plenária as pessoas que participaram do Encontro e rezaram em Família ( a indulgencia plenária e uma graça especial que e concedida não só como expiação de alguma falta, mas sim como remissão da pena temporal devida ao pecado perdoado em virtude dos mérito infinitos de Cristo)
Vivendo o clima de benção da cerimônia centenas de casais aproveitaram para uma vez mais renovar o seus compromissos matrimoniais enfrente ao Card. Bertone.

O evento foi transmitido a nível nacional e internacional em diversos idiomas entre eles em espanhol, inglês, italiano, francês, entre outros.

Posted by Cleiriane @ 17:45
0 Comments

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

EMF: Influência da mídia nas famílias é tema de conferência na manhã desta quinta


Cidade do México (especial do EMF 2009 México, Gaudium Press) Duas conferências da manhã desta quinta-feira do Congresso Teológico-Pastoral, evento paralelo do VI Encontro Mundial das Famílias, que termina hoje no México, tiveram como tema comum a suscetibilidade da juventude a influências externas ao meio familiar, como a sexualidade e os meios de comunicação.

A primeira conferência, Família e Sexualidade, foi preparada pela dra. Maria Luisa di Pietro, da Itália, que se desculpou textualmente por não poder estar presente. Seu discurso foi lido na sessão plenária e expressou a necessidade de “recordar que a vocação do amor deve ser refletida na doação recíproca do homem e da mulher no matrimônio.”

Sua Eminência o cardeal Nicolás de Jesús López Rivera aprofundou o tema defendendo a necessidade da afirmação da castidade nos jovens, como elemento fundamental para a preparação do matrimônio.

O segundo tema tratado nesta manhã foi Família e mídia de massa, em conferência ministrada pelo professor Norberto Gonzalez Gaitano, da Espanha, representante do Opus Dei e professor da Universidade de Navarra.

Gaitano reforçou a importância e a obrigação dos pais em saber administrarem o consumo dos meios de comunicação nos lares, de forma a evitarem a “deterioração e a destruição dos valores familiares”. Segundo o palestrante, os conteúdos dos meios de comunicação, enquanto informam ou entretêm, apresentam valores de maneira destorcida e diferente do modelo de família cristã.

O docente continuou sua intervenção afirmando que a internet está produzindo grandes mudanças nos usos e hábitos da sociedade, citando como exemplo a temática dos jogos de computador. De acordo com Gaitano, a grande maioria dos jogos on-line é prejudicial pelo alto teor de sexualidade e violência que contêm, o que acarretaria altos níveis de estresse e hiperatividade nos jovens e adolescentes.

“Tudo isso gera um distanciamento nas saudáveis relações entre pais e filhos. Por esta razão, é necessária a constante vigilância dos progenitores, para que saibam cultivar em seus filhos os valores humanos e cristãos desde o início de sua formação moral.”

Ele ressaltou ainda o papel dos meios de comunicação na formação da infância e da juventude, como consta da mensagem do Santo Padre Bento XVI na 41ª Jornada Mundial das Comunicações Sociais: “A educação dos meios deve ser sempre positiva. Pondo as crianças de frente ao que é excelente estética e moralmente os ajuda a desenvolver a própria opinião, a prudência e a capacidade de discernimento (...) A beleza, espelho do divino, inspira e vivifica os corações e as mentes dos jovens, enquanto a feiúra e a vulgaridade têm um impacto deprimente nas atitudes e comportamentos.”

Posted by Cleiriane @ 15:04
0 Comments

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Entrevista com: Card. Odilo Pedro Scherer, Arcebispo Metropolitano de São Paulo – 1º dia EMF México 2009


Publicado 2009/01/15
Autor: Gaudium Press
GP – Quantos bispos brasileiros acompanham a delegação nesta 6ª edição do Encontro Mundial das Familias?

D. Odilo – Somos 5 bispos brasileiros presentes neste primeiro dia de encontro. E também vieram delegações de muitas dioceses do Brasil, do Rio de Janeiro, São Paulo, Porto Alegre, Brasília, Londrina, enfim, muita gente de todas as partes do país.

GP – Qual é a mensagem que fica, ao final deste primeiro dia, para todos aqueles que acompanham o encontro por meio dos veículos de comunicação, rádios, televisão e internet?

D. Odilo – Tivemos uma bela abertura, tanto para o encontro quanto para o Congresso teológico-pastoral, que se estende até o dia 16 de janeiro. Ainda no primeiro dia, houve uma abordagem muito bonita sobre vários aspectos, primeiramente a família formadora de valores na bíblia, na sequência, a família formadora de valores enquanto vivência do matrimônio e do sacramento. Depois, a família formadora de valores dentro do contexto da cultura que muda, do fragmentário, do provisório, da cultura que finalmente, desmontou todo um conjunto de valores, que acabou com as referências desses valores colocando simplesmente a subjetividade, e muitas vezes a individualidade – para não dizer o individualismo – e até mesmo o egoísmo como valor supremo. Portanto, o pensamento que predominou nesta primeira parte do congresso é que a família é um bem enorme da humanidade, e não da igreja somente. É um patrimônio da humanidade que funciona como um depósito de valores humanos e religiosos de grande serventia a sociedade, os quais devem ser recuperados e re-valorizados, sobretudo nesse tempo em que perdemos a referência de valores e por isso mesmo temos que resgatar a dignidade do ser humano.

GP – O Sr. acredita que o Brasil possa vir a sediar, em breve, um grande evento como o encontro mundial das famílias ou uma jornada mundial da juventude?

D. Odilo – Porque não? Nós tivemos no Brasil, um dos primeiros encontros mundiais das famílias, em 1.997, inclusive com a presença do Papa reinante João Paulo II, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, e foi muito bonito. Estamos esperando que venha a ocasião da jornada mundial da juventude para que possa ser realizada no Brasil. É uma aspiração, e se isso vier a acontecer em um dos próximos encontros, será certamente uma grande ocasião para a juventude brasileira, e para que o Brasil possa também dar a sua contribuição e apresentar os seus valores para todo o mundo.

GP – A par do Encontro Mundial das Famílias, vivemos um ano de celebração no Brasil, em especial para São Paulo. O que o Sr. tem a dizer sobre o apóstolo, sua conversão e experiência ao lado de Jesus Cristo?

D. Odilo – Estamos vivendo o ano paulino, pela comemoração dos 2.000 anos de nascimento do apóstolo São Paulo, e 25 de janeiro, dia da conversão de São Paulo é uma data muito especial para a Arquidiocese de São Paulo em particular, mas também para a cidade e para o mundo. A data nos faz refletir sobre o apóstolo. E essa foi justamente a intenção de João Paulo II ao lançar a celebração de dia tão especial. Estudar São Paulo nos aprofunda em questões como o fundamento de nossa fé e a alegria de sermos cristãos. E isso tudo vem de um grande e profundo encontro com Jesus Cristo, como teve o apóstolo São Paulo. Então, o ano Paulino é uma ocasião para que nós, em companhia de São Paulo, possamos redescobrir, em profundidade, os valores de nossa fé cristã, da nossa igreja, do nosso apostolado, e sermos verdadeiramente discípulos e missionários de Jesus Cristo assim como foi o apóstolo São Paulo. Este seria um sonho, um ideal do ano paulino, que toda a igreja pudesse ser um pouco como São Paulo, e as comunidades paulinas pudessem inspirar as nossas comunidades de hoje em dia.

GP – Qual seria seu recado para as famílias que estão acompanhando o evento por meio da cobertura dos mais variados veículos de comunicação?

D. Odilo – Que Deus abençoe todas as famílias, mesmo aquelas que passam por dificuldades e problemas. Pensem que vocês não são os primeiros e nem os únicos a enfrentar essas dificuldades. Continuem firmes, com fé e com paciência, recuperando sempre a origem daquilo que deu início a família: o amor. O amor que uniu o homem e a mulher, que os apaixonou, que os fez ter filhos, formar família. Enfim, o amor será sempre o sentimento capaz de reaproximar os casais e as famílias que passam por algum tipo de dificuldade. E que Deus abençoe a todas as famílias que nos veem, leem ou nos ouvem e vivem a sagrada mística do matrimônio.

Posted by Cleiriane @ 23:37
0 Comments

IGREJA - Paróquia inaugura igreja de São Sebastião

A paróquia Cristo Operário e São Judas Tadeu, na Vila Abranches, em Ribeirão Preto, divulga a programação da Festa de São Sebastiao, no bairro Parque São Sebastião, onde fica a Comunidade que tem como padroeiro São Sebastiao.

Confira a programação:

Dias 17 e 18 de janeiro - Missa às 19h.
Dia 19 - Missa às 20h.
Dia 20 - Procissão saindo da Escola (rua Heron Domingues, 830) em direção à nova Igreja (rua Walter Aldo Ferlin s/n), que neste dia será abençoada. A partir deste dia, as atividades da Comunidade passam a ser realizadas na Igreja de São Sebastião que está sendo construída.

Informações na secretaria paroquial pelo telefone (16) 3629-2308

Posted by Cleiriane @ 01:02
0 Comments

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Vídeo da Apresentação da Companhia União


bom pastor no Yahoo! Vídeo

Posted by Cleiriane @ 12:57
0 Comments

Encontro Mundial das Famílias supera todas as expectativas!




Nesta Terça Feira, (13), o imponente centro de convenções Bancomex A.B.C. na cidade do México D.F., abriu as portas para receber os participantes do VI Encontro Mundial de Familias convocado por S.S. Bento XVI, cujo lema é "A Família, Formadora nos Valores Humanos e Cristãos".

Durante o dia, realizou-se a entrega das credencias aos participantes do encontro, no final do dia, já estavam cadastrados 30 Cardeais, 220 Bispos e quase 9.000 participantes dos cinco continentes.

Gaudium Press entrevistou a Mons. Enrique Glennie Graue, Secretario Executivo do encontro. Declarou a nossa agência "que o êxito da convocatória ao encontro, é o fruto de 2 anos de árduos trabalhos preparatórios, esperavam-se entre 5 a 6 mil inscritos no Congresso Teológico e até hoje já estão inscritas 8 mil pessoas, podendo chegar a 9 mil participantes".

Como o anfitrião, Mons. Glennie incentivou ás famílias participantes, "a que cada uma delas, tome a responsabilidade de trabalhar fortes pelos valores humanos e cristãos e fazer o compromisso de promover esses valores fundamentais como a defesa da vida, o amor, a Fé, a unidade e o respeito mutuo. Convidamos a todos, que com motivo deste encontro mundial das Famílias, possam assumir essa forte responsabilidade".

Depois de entrevistar vários participantes de diversas partes do mundo, todos transmitiram palavras de alegria e certeza de que este encontro será uma clarinada para que a sociedade civil promova e incentive leis que favoreçam e protejam a instituição familiar, tão machucada e posta de lado nos dias atuais.



Posted by Cleiriane @ 10:39
0 Comments

terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Aconteceu

No dia 11 de janeiro no domingo a Igreja Bom Pastor recebeu a Companhia de Reis União, que ao final da missa alegrou a todos com um de seus cânticos. Ao final da apresentação teve um café da manhã a todos os integrantes da Companhia junto com os paroquianos da comunidade.
Convite:

Ribeirão Preto se prepara para 17º Encontro Nacional de Folias de Reis

A Secretaria Municipal da Cultura está ultimando os preparativos o 17º Encontro Nacional da Folia de Reis para este ano. O Encontro tem por finalidade unir uma das mais antigas tradições e festejos com a vinda de Companhias de Reis da cidade e de diversas regiões do Brasil. As tradicionais cantorias preencherão o dia 25 de janeiro com festa, na praça José Rossi, no bairro da Vila Virgínia, das 8h às 20h.

Confira a programação:

8h - Chegada dos Cavaleiros de Nossa Senhora Aparecida com a imagem
8h30 - Missa celebrada pelo Cônego José Carlos Rossini, pároco da igreja matriz Santa Maria Goretti
9h30 - Hasteamento das Bandeiras: Nossa Senhora Aparecida, São Sebastião e Santos Reis
10h - Início das apresentações das Companhias de Reis
16h - Encenação da chegada dos Três Reis Magos do Presépio Vivo.

Veja abaixo as fotos da apresentação da Companhia União na Igreja Bom Pastor

em breve estará disponível o vídeo da apresentação.
Desculpe os transtornos.

Posted by Cleiriane @ 11:50
0 Comments

* Santo do Dia *

Santo Hilário de Poitiers

Foi chamado "Atanásio do Ocidente" por se assemelhar ao bispo de Alexandria. São contemporâneos. Hilário nasceu no começo do século IV em Poitiers, onde morreu em 367. Tanto Hilário como Atanásio tiveram o mesmo adversário: o arianismo (heresia que negava o dogma da Santíssima Trindade). Combateram-no com as polémicas teológicas, discursos e escritos. Também Hilário, por ordem do imperador Constâncio (356), foi exilado para a Frígia.

O contacto com o Oriente foi providencial para o bispo de Poitiers: durante os cinco anos que lá permaneceu aprendeu grego, descobriu origens e a grande produção teológica dos padres orientais, recolheu farta documentação no original para escrever o livro que lhe deu o título de Doutor da Igreja (por Pio IX ): "A Trindade ou a Fé" (contra os arianos). Era o trabalho mais profundo e completo, até então, sobre o dogma principal da fé cristã. No exílio não ficou ocioso. Escreveu o opúsculo Contra Macénico, onde acusa o imperador de se ingerir nas disputas teológicas e nos negócios internos da disciplina eclesiástica. Voltando a Poitiers, o destemido bispo retomou sua obra pastoral agora ajudado pelo futuro São Martinho, bispo de Tours.

Ele nasceu no paganismo, mas desde cedo procurou as luzes da verdade nas várias filosofias, em particular no neoplatonismo que, mais tarde, muito influenciou o seu pensamento. A procura de um sentido para a vida do homem levou-o à leitura da Bíblia, onde achou a resposta que o levou a que se convertesse ao cristianismo. Nobre proprietário de terras, quando se converteu já era casado e pai de uma menina: Abre, por ele muito querida. Não muito tempo depois do seu baptismo foi proclamado bispo de sua cidade natal. Antes de ir para o exílio teve seis anos de intensos estudos e pregação. Obteve uma grande cultura teológica em defesa da ortodoxia. Humano nas vitórias e ainda mais humano e compreensivo em aceitar os bispo que, arrependidos, voltavam ao catolicismo.

Posted by Cleiriane @ 11:06
0 Comments

domingo, 11 de janeiro de 2009

Batismo do Senhor


A liturgia desta festa tem como cenário de fundo o projecto salvador de Deus. No baptismo de Jesus nas margens do Jordão, revela-se o Filho amado de Deus, que veio ao mundo enviado pelo Pai, com a missão de salvar e libertar os homens. Cumprindo o projecto do Pai, ele fez-se um de nós, partilhou a nossa fragilidade e humanidade, libertou-nos do egoísmo e do pecado e empenhou-se em promover-nos, para que pudéssemos chegar à vida em plenitude.



A primeira leitura anuncia um misterioso "Servo", escolhido por Deus e enviado aos homens para instaurar um mundo de justiça e de paz sem fim... Investido do Espírito de Deus, ele concretizará essa missão com humildade e simplicidade, sem recorrer ao poder, à imposição, à prepotência, pois esses esquemas não são os de Deus.

No Evangelho, aparece-nos a concretização da promessa profética: Jesus é o Filho/"Servo" enviado pelo Pai, sobre quem repousa o Espírito, e cuja missão é realizar a libertação dos homens. Obedecendo ao Pai, ele tornou-se pessoa, identificou-se com as fragilidades dos homens, caminhou ao lado deles, a fim de os promover e de os levar à reconciliação com Deus, à vida em plenitude.



A segunda leitura reafirma que Jesus é o Filho amado que o Pai enviou ao mundo para concretizar um projecto de salvação; por isso, ele "passou pelo mundo fazendo o bem" e libertando todos os que eram oprimidos. É este o testemunho que os discípulos devem dar, para que a salvação que Deus oferece chegue a todos os povos da terra.

Posted by Cleiriane @ 11:11
0 Comments

sábado, 10 de janeiro de 2009

VI Encontro Mundial das Famílias começa na próxima semana no México


Evento trienal visa a promoção e o desenvolvimento dos valores cristãos nas famílias.

São Paulo (Quinta, 08-01-2009, Gaudium Press) Começa na próxima terça-feira um dos eventos católicos de maior porte em todo o mundo. Trata-se do Encontro Mundial das Famílias, o EMF, um grande fórum de discussões, reuniões e diversos outros eventos paralelos realizado a cada três anos e que, durante cerca de uma semana, reúne milhares de pessoas do mundo todo em uma cidade diferente do globo. Nesta edição, a anfitriã é a Cidade do México.

Segundo os organizadores do encontro - cada EMF é organizado pelo Conselho Pontifício para a família, do Vaticano, com a colaboração da diocese escolhida como sede - o tema desta edição é "A família formadora dos valores humanos e cristãos".

Em entrevista à Rádio Vaticana, o presidente do Pontifício Conselho para a Família, cardeal Ennio Antonelli, afirmou que o tema tem como objetivos "favorecer a formação, a oração, a assunção de responsabilidade por parte das famílias cristãs, também no sentido missionário". Porém, pretende ainda "favorecer uma cultura, uma sensibilidade política, favorável à família autêntica, fundada no matrimônio, em vista da procriação e da educação dos filhos".

O cardeal acrescentou ainda que o congresso pretende fazer com que a pastoral encoraje as famílias a se tornarem protagonistas de seu próprio desenvolvimento, aderindo a associações que tutelam os direitos da família.

Multidão e tecnologia

Se todos aderirem ao chamado, a Igreja terá um verdadeiro "exército" evangelizador, já que centenas de milhares de famílias dos cinco continentes se reúnem no EMF, enquanto diversas atividades acontecem paralelamente. Uma dessas atividades, o Congresso Teológico Pastoral, onde são conferidas palestras relacionadas ao tema principal, terá duração de três dias.

O evento tem forte apoio da Santa Sé, ainda que não conte com a presença real do papa Bento XVI. Sim, porque virtual há: durante a Festa das Famílias, outro dos eventos principais, que acontece na praça diante do Santuário de Nossa Senhora de Guadalupe, a multidão de fiéis será saudada com uma videomensagem gravada pelo pontífice.

A Missa do Domingo, terceiro evento "tronco" do Encontro, por sua vez, será celebrada pelo secretário de Estado do Vaticano, cardeal Tarcisio Bertone, e também terá a participação virtual de Bento XVI através de uma conexão ao vivo com o papa, que transmitirá sua saudação e anunciará o local do próximo EMF.

Quórum cardenalício

Mais de trinta cardeais e oitenta bispos estrangeiros confirmar presença no EMF deste ano, dizem os organizadores. O número representa 25% do total do colégio cardenalício da Igreja disposto pelo mundo.

Entre os nomes confirmados, destacam-se o arcebispo de Cracóvia, cardeal Stanislaw Dziwisz, que foi secretário particular do papa João Paulo II; o cardeal Giovanni Batista RE, titular da Pontifícia Congregação dos Bispos; o arcebispo de Paris, cardeal André Vingt-Trois; de Madri, cardeal Antonio Maria Rouco Varela; e de Tegucigalpa, cardeal Oscar Andrés Maradiaga.

Representando o papa Bento XVI estará, como já informado, o secretário de Estado do Vaticano, cardeal Tarcisio Bertone, além do presidente do Conselho Pontifício para a Família, cardeal Ennio Antonelli.

Cardeais de localidades como Toledo, Puerto Rico, Lima, Santiago, Valencia, Ucrânia, Santo Domingo, Barcelona, Boston, Québec, Guatemala, Bordeaux, São Paulo, Rancho-India, Camerún e Uganda, entre outros, também estarão presentes no evento.

Posted by Cleiriane @ 14:51
0 Comments

*Santos do Dia *

Beato Gonçalo de Amarante, confesso, +1262

São Gonçalo é o santo português que, sobretudo no Norte de Portugal, goza da maior devoção, logo depois de Santo António de Lisboa. Na sua História Eclesiástica de Portugal, o Padre Miguel de Oliveira diz apenas o seguinte: «S. Gonçalo de Amarante que se supõe falecido a 10 de Janeiro de 1259; o seu culto foi permitido pelo Papa Júlio III (24 de Abril de 1551) e confirmado por Pio IV (1561); Clemente X estendeu o ofício e a Missa a toda a Ordem dominicana (1671)».

Terá sido São Gonçalo uma invenção posta ao serviço de uma qualquer ideia ou propósito, ou podemos perceber o percurso da sua devoção ou do seu culto? O mais antigo documento que se refere a São Gonçalo, é um testamento de 18 de Maio de 1279 em que uma tal Maria Johannis lega os seus bens à Igreja de São Gonçalo de Amarante. Quer dizer, uns 20 anos depois da morte de São Gonçalo existia uma igreja dita «de São Gonçalo de Amarante». E há outros documentos... e escritos sobre a figura de São Gonçalo e o seu culto.

Na biografia oficial de São Gonçalo, apresentada como tal a partir do Flos Sanctorum de 1513, não há dúvidas: Gonçalo, nasceu em Tagilde, estudou rudimentos com um devoto sacerdote e frequentou depois a escola arqui-episcopal de Braga. Ordenado sacerdote foi nomeado pároco de São Paio de Vizela. Depois foi a Roma e Jerusalém; no seu regresso vendo-se desapossado do seu benefício prosseguiu um caminho de busca interior já anteriormente encetado, depois foi a experiência da vida eremítica, a pregação popular..., e logo caiu na ambiência mendicante da época, após o que se faria dominicano...

As coisas não são assim tão lineares. De qualquer modo, tenha sido padre diocesano, cónego de Santa Maria em Guimarães, beneditino ou dominicano, tenha - quase por certo - passado de uma a outra condição, nenhuma destas hipóteses esbate a riqueza e o vigor da sua figura.

cf. ARLINDO DE MAGALHÃES, São Gonçalo, História ou lenda

S. Gregório (Nisseno), bispo de Nissa, +400

S. Guilherme de Burges, bispo, +1209

Santo Agatão, papa, +681

S. Luciano, presbítero, +312

Beata Maria dos Anjos Monteagudo, religiosa, +1686

Posted by Cleiriane @ 14:45
0 Comments

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Os católicos adoram imagens ?


R: Cristo assumiu um verdadeiro corpo humano, por meio do qual Deus invisível se tornou visível. Pro essa razão, Cristo pode ser representado e venerado nas santas imagens. Nele vemos o rosto humano de Deus e o rosto divino do homem.
O que Deus no Antiga Testamento proíbe, é fazer imagens para serem adoradas como deuses, em substituição ao Deus único (cf. Ex 20,4). Mas não proíbe fazer outras imagens (cf. Ex 25,18-20; Num 21,8-9; Rs 6,23-35 e 7,29). A bíblia mesma diz que Deus feo homem e a mulher " à sua imagem e semelhança" (Gn1,26-27).
A imagem faz parte da linguagem humana, é a representação de alguma pessoa, coisa, idéia. Assim, o desenho de uma flor, as fotos de uma pessoa e a pintura de uma paisagem são imagens.
A imagem de Cristo é o ícone por excelência. As outras que representam Nossa Senhora e os santos, significam Cristo, que nelas é glorificado. Proclamam a mesma mensagem evangélica que a Sagrada Escritura transmite mediante a palavra e ajudam a despertar e a nutrir a fé dos crentes.
A Tradição cristã reconheceu reiteradamente o valor pedagógico e psicológico das imagens, como suportes para a catequese, a oração e a evangelização. Numa época das imagens, o uso das imagens cristãs pode ser uma grande contribuição para a evangelização. Mas é claro que o católico não adora a imagem; venera aquele que é representado pela imagem, mas adora somente a Deus.

(fonte do livro Sou Católico Vivo a minha fé)

Posted by Cleiriane @ 09:55
0 Comments

* Santos do Dia *



Santo Adriano de Cantuári, abade, +710

Nasceu na África e morreu em Canterbury (Cantuária), em 710.
Enquanto era abade num mosteiro próximo de Monte Cassino, Adriano foi duas vezes convidado pelo papa São Vitalino a ocupar o arcebispado de Canterbury. Declinou a oferta nas duas ocasiões; na segunda vez, no entanto, sugeriu o nome do monge grego Teodoro (Teodoro de Cantuária) para ocupar o cargo. O papa concordou, mas impôs como condição que Adriano acompanhasse o novo arcebispo à Inglaterra. Partiram ambos em 668, mas chegaram a Canterbury separados, depois de longos atrasos pelo caminho. Na Inglaterra, Adriano ficou instalado na abadia de São Pedro e São Paulo (depois abadia de Santo Agostinho). Possuía profundos conhecimentos sobre a Bíblia, era administrador experiente e um erudito em grego e latim. Sob sua direção, a escola monástica de Canterbury passou a exercer profunda e ampla influência. Na escola, a par das disciplinas religiosas, eram ensinados astromonia, poesia e cálculo de calendário. São Beda afirma que alguns alunos sabiam latim e grego tão bem quanto inglês. Adriano auxiliou o seu arcebispo em várias tarefas pastorais e não há dúvida de que o florescimento da Igreja inglesa no tempo de Teodoro deve muito a ele. Santo Adriano foi enterrado na igreja de seu mosteiro.

S. Julião

Santo André Corsini, bispo, +1373

S. Pedro, bispo de Sebaste, +391

Beato Pedro José Clorivière, religioso, +1820

Posted by Cleiriane @ 09:47
0 Comments

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Papa analisa acontecimentos internacionais à luz da esperança


Nesta quinta-feira, Bento XVI realizou um dos encontros mais aguardados do ano: a audiência ao corpo diplomático acreditado junto à Santa Sé, que teve lugar na Sala Regia, no Vaticano.

No seu discurso, o papa analisou os acontecimentos internacionais à luz do mistério da esperança do Natal, pedindo a Deus "o dom de um ano que seja fecundo de justiça, de serenidade e de paz" a todos.

O papa citou os países que foram vítimas de catástrofes naturais, como Vietnã, Myanmar, China, Filipinas, alguns países da América Central e Caribe, Colômbia e Brasil, e países vítimas de conflitos nacionais, regionais e de atos de terrorismo, como Afeganistão, Índia, Paquistão e Argélia. "Apesar de muitos esforços, a paz tão almejada ainda está distante", disse. Para construir a paz, disse, é preciso dar esperança aos pobres e às pessoas atingidas pela atual crise econômica e pela crise alimentar, e pelos efeitos do aquecimento global.


Bento XVI condenou a despesa militar, que subtrai enormes recursos humanos e materiais para os projetos de desenvolvimento, minando os processos de paz.

"Hoje, mais do que no passado, o nosso futuro está em jogo, assim como o próprio destino do nosso planeta e dos seus habitantes", afirmou o pontífice, acrescentando que é preciso investir, sobretudo, nos jovens, educando-os a um ideal de verdadeira fraternidade, na consciência de que existe um Pai comum de todos os homens, o Deus Criador.

Analisando a situação no Oriente Médio, Bento XVI recordou que violência provoca danos e imensos sofrimentos às populações civis e reafirmou que a opção militar não é uma solução e que a violência, de onde vier, deve ser firmemente condenada.

Para o papa, é preciso promover o diálogo entre Israel e Síria e, para o Líbano, apoiar a consolidação das instituições. Aos iraquianos, Bento XVI dirigiu um encorajamento a construir o futuro sem discriminações de raça, de etnia ou de religião. Para o Irã, pediu uma solução negociada para o programa nuclear, de modo a satisfazer as legítimas exigências do país e da comunidade internacional.

Na Ásia, o papa fez votos de paz para Mindanao, nas Filipinas, para Sri Lanka e para melhores relações entre China e Taiwan.

Passando para a África, que visitará este ano, o papa pediu uma atenção especial à infância. E citou o drama dos refugiados na Somália e em Darfur, na República Democrática do Congo. Ele pediu ainda uma solução para a crise em Zimbábue e em Burundi.

Sobre a América Latina, Bento XVI falou a favor dos emigrantes, para que possam se reunificar com suas famílias. E citou o Brasil, em especial o Acordo entre Santa Sé e o Estado brasileiro, para que facilite o livre exercício da missão evangelizadora da Igreja e reforce ainda mais a colaboração com as instituições civis para o desenvolvimento integral da pessoa.

O pontífice saudou ainda as comunidades cristãs na Turquia e pediu soluções pacíficas para a crise em Chipre, no Cáucaso, em especial na Geórgia, e entre as populações da Sérvia e de Kosovo, no respeito das minorias.

Por fim, Bento XVI dirigiu seu pensamento aos pobres e afirmou: "A pobreza se combate se a humanidade se tornar mais fraterna, através de valores e ideais compartilhados, fundados na dignidade da pessoa, na liberdade unida à responsabilidade e no reconhecimento efetivo do lugar de Deus na vida do homem".


Posted by Cleiriane @ 11:00
0 Comments

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009


Flor das Virgens,
morte do pecado,
única esperança dos
infortunados;
Maria nossa guia,
Maria nossa luz,
Estrela infalível;
Maria que é fonte,
Maria que é monte,
Maria Rosa Mística;
Maria verdadeira flor;
dom inapreciável,
que acercas o Céu e a Terra;
Maria nossa paz,
Maria que nas trevas é
tocha que ilumina.


(Canto gregoriano Flos Vírginum)

Posted by Cleiriane @ 13:16
0 Comments

Santo do Dia

São Raimundo de Penafort

São Raimundo de Penafort era de família nobre descendente dos Reis de Aragão. De tenra idade ainda, revelava grande interesse pela oração e pelo estudo. Tão prodigiosos foram os seus progressos que, tendo apenas vinte anos de idade, foi professor de artes livres numa universidade, em Barcelona, atraindo muitos estudantes para suas aulas.

SAO RAIMUNDO DE PENAFORT.jpgDepois foi para Bolonha onde continuou lecionando e estudando direito civil e eclesiástico. Ao final foi diplomado com louvor e nomeado titular da cadeira de Direito Canônico da mesma escola. Jamais esqueceu os pobres, deles, Raimundo cuidava pessoalmente, muito embora a fama de seus conhecimentos já percorresse toda a Itália e Europa.

Em 1220 voltou para a Espanha e foi ordenado sacerdote e vigário geral da diocese de Barcelona. Depois foi convocado para servir em Roma a pedido do Papa Gregório IX, do qual foi confessor cerca de oito anos. Nesta época observou que os pobres, quando iam ao palácio papal, não eram tratados e atendidos com o devido direito, por isto alertou ao pontífice para que se interessasse pessoalmente por esta parte do rebanho. Por ordem do Papa, Raimundo editou a obra conhecida como "Os Decretais de Gregório IX", muito importante para o direito canônico até hoje.

Como retribuição pela dedicação e bons trabalhos, este papa o nomeou arcebispo de Taragona. Dentro de sua extrema humildade e se julgando indigno pediu exoneração do cargo, chegando a ficar doente por causa desta situação e com a licença dos superiores, voltou para a Espanha. Do amigo, Pedro Nolasco, recebeu e aceitou o convite de redigir as Constituições da nascente Ordem das Mercês para a Redenção dos Cativos.

Com a chegada dos dominicanos em Barcelona, abandonou tudo para ingressar na Ordem. Quando o superior geral morreu, em 1278, os religiosos elegeram Raimundo para ser o sucessor. Durante dois anos percorreu todos os conventos da Ordem a pé. Depois se afastou da direção, para se dedicar a vida solitária de orações e penitência, mas aos pobres continuou a atender. Esta santificação lhe aprimorou ainda mais os dons e grandes prodígios Deus executou por meio do seu servo, cuja fama de santidade corria entre os fiéis.

Por inspiração, aos setenta anos, Raimundo voltou ao ensino. Fundou dois seminários onde o ensino era dado em hebraico e árabe, para atrair judeus e mouros ao Cristianismo. Em pouco tempo dez mil árabes tinham recebido o batismo. Foi confessor do rei Jaime de Aragão, ao qual repreendeu pela vida mundana desregrada. Também o alertou sobre o perigo que o reino corria com os albigenses, facção da seita dos cátaros, que estavam pregando uma doutrina contrária e desta maneira conseguiu que fossem expulsos. Era um escritor valoroso, a sua obra, "Suma de Casos", continua sendo usada pelos confessores.

Avisados de sua última enfermidade os reis de Aragão e Castela foram ao seu encontro para receberem a derradeira benção. Raimundo de Peñafort morreu centenário no dia 6 de janeiro de 1275. Foi canonizado e sua festa autorizada para o dia seguinte da Epifania, em 7 de janeiro.

Posted by Cleiriane @ 11:22
0 Comments

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Tesouro da Oração


Oração para obter um amor ardente a Nosso Senhor


Vós sois, ó Jesus, o Cristo, meu Pai santo, meus Deus misericordioso, meu Rei infinitamente grande; sois meu bom pastor, meu único bom pastor, meu únicomestre, meu auxílio cheio de bondade, meu bem-amado de uma beleza maravilhosa, meu pão vivo, meu sacerdote eterno, meu guia para a pátria, minha verdadeiraluz, minha santa douçura, meu reto caminho, minha preclara sapiência, minha pura simplicidade, minha paz e concórdia; sois, enfim, toda a minha salvaguarda, minha herança preciosa, minha eterna salvação...
Ó Jesus Cristo, amável Senhor, por que, em toda a minha vida, amei, por que desejei outra coisa senão Vós? Onde estava eu quando não pensava em Vós? Ah! que, pelo menos a partir deste momento, meu coração só deseje a Vós e por Vós se abrase, Senhor Jesus! desejos de minha alma, correi, que já bastante tardaste; apressai-vos para o fim a que aspirais; procurai em verdade. Aquele que procurais. Ó Jesus, anátema seja quem não Vos ama. Aquele que não vos ama seja repleto de amarguras. Ó doce Jesus, sede o amor, as delícias, a admiração de todo coração dignamente consagrado à Vossa glória. Deus de meu coração e minha partilha, Jesus cristo, que Vós meu coração desfaleça, e sede Vós mesmo a minha vida. Acenda-se em minha alma a brasa ardente de vosso amor e se converta num incêndio todo divino, a arder para sempre no altar de meu coração; que inflame o íntimodo meu ser e abrase o âmargo de minha alma; para que, no dia de minha morte, eu apareça diante de Vós inteiramente consumido em Vosso amor. Assim seja.

(Santo Agostinho de Hipona)

Posted by Cleiriane @ 16:47
0 Comments

Santo do Dia

Reis Magos

Tendo Jesus nascido em Belém da Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que vieram magos do Oriente a Jerusalém

"Tendo Jesus nascido em Belém da Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que vieram magos do Oriente a Jerusalém, reis magos.jpgperguntando: "Onde está o Rei dos judeus recém-nascido? Com efeito, vimos a sua estrela no céu surgir e viemos homenageá-lo". (Mt 2,1-3ss.; cf. Lc 2,1-7)."

Os Reis Magos eram: Gaspar, cujo nome significa "Aquele que vai inspecionar"; Melquior, que quer dizer; "Meu Rei é Luz"; e Baltazar, que se traduz por "Deus manifesta o Rei". Tudo indica que os Magos eram sábios procedentes da Babilônia.

Ouro, incenso e mirra simbolizam as riquezas e os perfumes da Arábia, oferecidos como tributo ao Rei dos Reis, Jesus. O ouro simboliza a realeza de Jesus; o incenso, a sua Divindade; e a mirra, a Paixão de Cristo.

Na adoração dos Magos cumprem-se as profecias messiânicas: Eu vejo - mas não agora, eu contemplo - mas não de perto: um astro procedente de Jacó se torna chefe, um cetro se levanta, procedente de Israel. (Ns 24,17ss.; cf.também Isaías 49,23; 60,5s.; Salmo 72, 10-15).

Posted by Cleiriane @ 01:31
0 Comments

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

SERTÃOZINHO - Sertãozinho ergue Cristo maior que do Corcovado


Sertãozinho ergue Cristo maior que do Corcovado

Depois de construir uma praia artificial com 160 metros de areia natural, os sertanezinos terão a maior estátua de Cristo do Brasil. Com 57 metros de altura, o conjunto de escultura e base será maior que a do Rio de Janeiro, que mede 38 metros, e estará entre as dez maiores estátuas do mundo.

A obra, que vai custar R$ 1,5 milhão aos cofres do município, está sendo montada numa área verde entre os jardins Montreal e Florenza, num local mais conhecido como “Morro do Vanzela”. A inauguração está prevista para acontecer no feriado da Páscoa, em 12 de abril deste ano.

A estátua de 18 metros é construída separadamente da base, que mede 39 metros. Depois que as duas partes estiverem completamente montadas, o Cristo será içado por um guindaste até o alto do pedestal e vai chegar a altura equivalente a um prédio de 20 andares. “Vai ser uma verdadeira operação de guerra. Vamos alugar um guindaste de 500 toneladas, em São Paulo, que vai custar R$ 200 mil só para colocar o Cristo em cima da base”, disse o prefeito Nério Gárcia da Costa (PPS).

No total, serão utilizados 300 toneladas de aço e 400 metros cúbicos de concreto na construção do monumento. Somente a parte do Cristo pesará 60 toneladas.

Do mirante, que ficará aos pés do Cristo, será possível avistar todo o município e, durante a noite, cidades vizinhas, como Ribeirão. Uma iluminação especial fará com que a estátua mude de cor a cada dia.

Segundo o secretário de Obras de Sertãozinho, Alberto Domingues Canovas, o local onde ficará o monumento será também um parque ecológico, já em implantação. “Solicitamos um estudo para os biólogos da Unesp de Jaboticabal para fazer o reflorestamento desta área, que era uma pedreira. Já plantamos dez mil espécies nativas de plantas e árvores. Queremos que, além de um monumento ecumênico, esse local seja um ponto turístico”.

A obra está sob responsabilidade da empresa J. Z. Engenharia. Além da construtora, dois artistas plásticos mineiros, Marcos Moura e Genésio Moura, estão envolvidos no projeto.

Elevador

Cerca de 50 pedreiros e ajudantes trabalham na obra do pedestal, que terá ainda um elevador equipado com uma maca para primeiros socorros, escadas e banheiros. “Vim de Pernambuco para trabalhar nesta obra, com meus quatro filhos, para nossa família está sendo ótimo estar aqui. É uma honra construir uma estátua de Cristo”, disse o ajudante de pedreiro Laurindo Manuel do Nascimento, de 54 anos.

Já na estátua do Cristo, quatro artesãos já montaram a estrutura e agora passam a cobrir com argamassa. “Não há nada pré-moldado, tudo será construído artesanalmente”, afirmou Moura.

De acordo com Canovas, as obras foram iniciadas em setembro e deveriam ser finalizadas no final do ano passado, mas as chuvas impossibilitaram o término.

O prefeito Nério Costa afirmou que, desde 2007, a prefeitura já pensava em fazer um monumento ecumênico em Sertãozinho e que o o projeto começou a tomar forma em dezembro daquele ano. “Fizemos a medição com um guindaste para saber a altura que o monumento ficaria e decidimos por essa altura porque assim a população poderia ver todo o município do mirante e o Cristo seria visto por toda a cidade também”, disse Costa.

Para os sertanezinos, a construção de um monumento de proporções tão grandes como o maior Cristo do Brasil, pode trazer ainda mais benefícios para o município. “Vai ser um ponto turístico e isso acaba movimentando todos os setores, principalmente o comércio”, disse a dona-de-casa Maria Ângela Brito, de 31 anos.

Fonte: Jornal A Cidade - 04/01/2009

Posted by Cleiriane @ 14:08
1 Comments

STATUS

No ar desde: 29/11/08
Host: Blogger.com
Layout: 7ª edição - outras versões.
Visitas:
Resolução: 800x600.
Navegador: Internet Explorer.
Postagens: Cleiriane.
Webmistress: Milla.

QUEM SOMOS

Ó Jesus, nosso bom pastor, nós vos agradecemos por todas as maravilhas que realizastes para a nossa salvação, pois nos ensinastes o verdadeiro caminho para o Pai, nos revelastes toda a verdade do vosso reino, e nos conquistastes a vida plena, pela vossa morte e ressurreição. Ó bom pastor, guia-nos e protegei-nos contra todos os males, que querem nos afastar do vosso amor. Vós que conheceis a cada um pelo nome, socorrei-nos com a vossa graça e que possamos sempre reconhecer a vossa voz, que conduz à vida em plenitude. Amém.